Weby shortcut
genteutopia

Utopias e Distopias nas narrativas não-verbais de filmes e séries

Data: 04 e 05 de junho de 2018 

Horário: 18 horas 

Local: Miniauditório - Faculdade de Educação da UFG 

 

I Colóquio " Utopias e Distopias nas narrativas não-verbais de filmes e séries” foi submetida no Sistema da UFG - SIGAA. 

Leiam com atenção a programação abaixo e em anexo e o cronograma proposto:

 

O evento se configura em dois momentos, dia 04 e 05 de junho de 2018, com duas mesas redondas para apresentação de estudos e/ou pesquisas consolidadas ou em andamento relacionadas à temática. Esta ação está aberta a toda a comunidade universitária, incluindo professores, técnicos e alunos da graduação e da pós-graduação da UFG, PUC, IFG e UEG.  

 

I Colóquio Utopias e Distopias nas narrativas não-verbais de filmes e séries pretende realizar um evento no formato de de mesas redondas com professores e pesquisadores sobre a temática com apresentação de 02 (dois) episódios de séries cinematográficas escolhidas como Black Mirror, criada por Charlie Brooker de 2011, classificada como drama/ficção científica/suspense, que retrata a inquietação coletiva em relação ao mundo moderno. 

 

No primeiro dia, 04 de junho de 2018, a primeira mesa será composta por: Prof. Me. Fabrício David de Queiros (CEPAE-UFG); Psicólogo clínico e Mestre em Psicologia Etore Ritter; e a Profa.  Dra. Cleide Aparecida Carvalho Rodrigues (FE-UFG)

Será apresentado o episódio da série  cinematográfica Black Mirror para reflexão e debate. 

 

Episódio selecionado: Episódio 01 da 3a. Temporada 

 

Sinopse:
"Usando implantes oculares e dispositivos móveis, as pessoas classificam suas interações realizadas online e pessoalmente em uma escala de cinco estrelas. Este sistema cultiva falsas relações afetivas, pois a classificação de uma pessoa afeta significativamente seu status socioeconômico. Lacieé uma jovem atualmente avaliada com a pontuação 4.2 e, muito entusiasmanda para adquirir um auto aperfeiçoamento, na esperança de alcançar uma avaliação de 4.5 a fim de se qualificar no desconto de um apartamento de luxo que pretendia comprar, Lacie tenta ganhar a admiração das pessoas altamente avaliadas, pois elas têm maiores impactos nas pontuações e vê uma ótima chance para alcançar seu objetivo, quando uma amiga da escola, Naomi, pede que ela seja a dama de honra de seu casamento com a presença de muitos convidados altamente avaliados. Após uma série de contratempos no caminho do casamento suas avaliações caem e assim atrasa sua chegada ao casamento. Naomi liga para Lacie e desiste do combinado dizendo que ela não precisa mais ir, pois além de atrasada soube que sua pontuação havia caido. Irritada, Lacie consegue chegar ao jantar de comemoração; ela pega o microfone e começa a pronunciar o discurso que havia preparado. Os convidados a avaliam  negativamente até sua avaliação cair para zero. Lacie fica perturbada e os seguranças a tiram do local. Ela é colocada em uma cela e a tecnologia que suporta o sistema de avaliação é removida de seus olhos. Sentindo-se em liberdade, ela discute com um homem que estava em frente a sua cela, sem a minima preocupação em ser avaliada". 

 

No segundo dia, 05 de junho de 2018, a segunda mesa redonda será composta pelos professores: Dra. Silvia Rosa Zanolla (PPGE-FE-UFG); Profa. Dra Cristiane Borzuk UAE-REJ e Prof Dr. Carlos Cardoso Silva (FE/UFG). Posteriormente será realizado debates em interlocução com todos os participantes do evento.  

 

o episódio 01 da temporada 02 de Black Mirror com a seguinte sinopse: 

 

"Ash mora com sua namorada Martha e passa muito tempo nas redes sociais, até que um dia ele morre em um acidente de trânsito. Alguns dias depois, Martha descobre que está grávida e decide usar uma nova tecnologia capaz de simular a voz e a personalidade de Ash no celular, com base em seu perfil nas redes sociais e outros materiais audiovisuais. Esse serviço a ajuda a amenizar o seu desespero, até que um dia ela acidentalmente deixa o seu celular cair no chão e entra em pânico. O Ash artificial lhe conta sobre o estágio experimental do serviço, no qual ela concorda em fazer com que a réplica seja transferida para o corpo sintético, quase idêntico a Ash. No entanto, Martha percebe que o andróide não consegue replicar os pequenos detalhes do comportamento de seu amado e começa a se distanciar dele. Então Martha leva o Ash artificial até um penhasco e o manda pular. Quando ele começa a seguir a ordem, Martha expressa sua frustração de que Ash não teria simplesmente  obedecido ao seu comando, o androide começa a implorar por sua vida. Assim, não conseguindo se livrar dele, ela acaba deixando o androide guardado no sótão, onde alguns anos depois, sua filha o visita todos os finais de semana". 

 

Organizadores do Evento: 

1 - Cleide Aparecida Carvalho Rodrigues 

2 - Ettore Riter 

3 - Estelamaris Brant Scarel

3 - Fabrício David de Queiroz 

4 - Márcia F. Torres Pereira 

5 - Silvia R. Silva Zanolla

6 - Welma Alegna Terra 

 

Divulgação do Evento: 

- Luciana Santos Marques

- Nathally Silva Cortez

- Welma Alegna Terra 

 

Coordenação do Evento: 

Márcia F. Torres Pereira 

 

Mesas Redondas:

Mesa 01 - 04 de junho de 2018 - (segunda-feira) às 18 horas 

Coordenação: Welma Alegna Terra 

Participação: Ettore Riter, Fabrício David de Queiroz e  Cleide Aparecida Carvallho;

Mesa 02 - 05 de junho de 2018 - (terça-feira) às 18 horas 

Coordenação: Márcia F. Torres Pereira 

Participação: Cristiane Souza Borzuk; Sílvia Rosa S. Zanolla e Carlos Cardoso Silva 

 

Após enquete sobre sugestões de imagens para o cartaz do Colóquio foi escolhida a imagem abaixo com os referentes dados:  

I Colóquio Utopias e Distopias nas narrativas não-verbais de filmes e séries

Data: 04 e 05 de junho de 2018 

Horário: 18 horas 

Local: Miniauditório - Faculdade de Educação da UFG 

genteutopia

 

Listar Todas Voltar